Fiz anal com uma das melhores amigas da minha ex-esposa Ana

Lisboa, PT

1 mês atrás 129 hits ID #2125

Descrição

Conheço Carla Paula desde os tempos de Liceu, ela sempre muito vistosa mesmo boazona detentora de um cuzão super tentador e muito desejado por todo o grupo. Ganhei mais confiança com Carla Paula, quando ela entrou no mesmo curso de enfermagem da minha admirável e ex-esposa Ana. Fizeram as duas o mesmo curso graduando no mesmo ano, mas depois cada uma segui a sua vida e foram para cidades diferentes e distantes. Carla Paula foi sempre uma moça muito conservadora, pois a minha ex-Ana contava-me que ela achava mesmo que o sexo anal era algo de nojento e para garotas de programa. Eu tinha a perfeita noção que a minha Ana lhe relatava muitas facetas do nosso sexo mais íntimo e dizia mesmo a Carla Paula que ela não sabia o que perdia e que eu era um tarado por sexo anal e tinha uma fantasia muito louca pela buda de Carla Paula. Carla Paula ficou divorciada após um casamento de 8 anos, ficando com várias situações delicadas por resolver resultantes do matrimonio. Entre muitas seria a venda do T3 que ela ficou entre outros bens ( pois o seu ex-marido era bem afortunado ). Sem eu jamais esperar um dia ela entra na minha loja ( tenho um escritório imobiliário de uma grande multinacional do ramo ). Não tinha nada calendarizado e estava bem preenchida a minha agenda pessoal neste dia, mas ela insistiu em falar comigo pessoalmente dizendo a uma da minhas colaboradoras que era uma pessoa de relações de proximidade e tinha urgência em falar comigo. Bom lá tive que aceitar, porque pelo nome ( ela apresentou-se pelo nome Carla Teixeira ) não estava a associar a pessoa em questão. Mandei ela entrar para no meu gabinete e para meu espanto e REGALO deparo com Carla Paula toda produzida e BOAZOANA como nos velhos tempos, de calças de cabedal bem justas (podem ver a foto aqui, eu tirei quando ela saiu do meu escritório ) . Porra eu sou tarado por cuzões bem “torneados e cheiinhos” e de calças de cabedal …..hui eu fiquei louco, não consegui disfarçar o meu olhar, pois eu estava a comê-la todinha com os olhos, tenho a certeza que ele percebeu bem o meu desconforto em contornar toda a situação….. Claro beijinho para cá beijinho para lá, já não nós vimos desde uns 3 a 4 anos. Automaticamente elogiei muito ela fisicamente, dizendo mesmo que estava muito jovem, estaria a completar os seus 42 anos, apesar de ser Mãe de 2 filhos encontrava-se em opima forma…..estivemos cerca de 40 minutos de conversa, a minha secretária tentou interromper-me por 2 vezes mas declinei tudo e dizendo para desmarcar as marcação que tinha naquela hora. Bom Carla introduzi o tema da razão pela qual foi ao meu encontro, tinha um T-3 para vender mas desejava muito era uma permuta com um T-2 que se encontrava a ser promovido pela minha agência. O negócio que ela pretendia era bem difícil de ser concretizado, tendo em conta que o T-2 estava por cima, e não se encaixava no esforço financeiro dela, sendo o objetivo dela alcançar uma folga substancial após a venda do T-3 . Despedimos e prometi que faria todos os possíveis para chegarmos a um acordo atingido os objetivos dela, mas que as probabilidades de êxito eram muito escassas. Aí ela no momento de despedida olha nos olhos de costas com aquela buda a “brilhar” e dando um jeito nas calças puxando ainda mais para cima e de mãos na anca, e diz-me “estou prontinha para te satisfazer o que for necessário”…bolas fiquei com água na boca e a imaginar será que ela está pronta a dar-me o cuzinho? Passaram 8 dias e liga-me Carla Paula perguntando, então querido estás ou não em condições de fechar o negócio? Eu respondi necessito de mais uns 15 dias, ela automáticamente diz-me tens que fechar este negócio dentro de 2 dias. Coloco a questão o que me podes dar de prémio? Ela responde o que tu quiseres? Enchendo-me de coragem digo-lhe Carla se eu fechar o negócio fazemos sexo anal? Ela leva um bocadinho de tempo a responder e diz-me “podes fazer anal comigo que sei que sonhas à muitos anos”, mas tens 4 dias para fechar este negócio e quero ver assinaturas dos contratos de compra e venda. Convidei para jantar neste dia para acertarmos pormenores, ela diz-me de modo muito radical, janto contigo passo uma noite contigo, dou-te o meu cúzinho, fazes o que quiseres, mas só janto contigo quando tiveres contratos assinados, e desliga-me o telefone. Bolas a cabrona deixou-me louco de tesão e foi bater uma, vendo foto ( esta que coloquei aqui e outras que tenho dela ) no momento da punheta decido porra não posso perder esta oportunidade, este cuzinho já levou muita punheta e agora tenho um momento louco para comê-lo, nesta punheta tentei ligar-lhe para falar de banalidades e vir-me ao telefone com ela, mas a cabrona não me atendeu……grande esguicho que acabou esta punheta e tomo a decisão vai ser eu próprio a adquiri o T-2 e depois faço a permuta. Fogo vou penetrar num cuzinho muito sonhado e desejado por mim….vou avançar. No dia seguinte ao chegar ao meu escritório faço umas movimentações financeiras, entre as quais vendi algumas acções, para ganhar folga financeira para assinar o contrato de compra e venda do T-2. Dou orientações à minha equipa para venderem o T-3 dela, este seria o mais fácil. Ligo para Carla Paula e nada a Cabrona não me responde, então envio-lhe mensagem a dizer que já tinha reunido condições para o fecho do negócio, para ela marcar jantar para nós os dois, para o dia seguinte que já levava contratos assinados. Passado 1 hora Carla responde já marquei jantar, no Tivoli hotel na Expo e dormimos lá . ( hotel TOP 5 estrelas a cabrona é fina ) Respondo ótimo quero só te pedir 3 condições, 1º levas as calças que usaste quando vieste ter comigo. 2º quero também sexo oral, 3º quero sem preservativo e vir-me bem no teu interior. Ela só me respondeu se tiveres mesmo os contratos assinados, terás este sonho realizado. Respondei só falta agora mesmo só a tua própria assinatura, e o negócio fica concretizado. Ela devolve a mensagem, Rui tu pagas todas as despesas de hotel e jantar OK meu querido. Hui que tusa me deu, tive que bater mais uma vendo as fotos, respondi-lhe meu amor é um prazer pagar este jantar/noite. Após 3 horas liguei-lhe, responde Carla num tom muito amistoso e suave então está tudo bem com os contratos? Sim tudo bem, mas há um pormenor vamos marcar isto para daqui a 2 dias, o nosso cliente teve um imprevisto, nas ligações áreas, e só tenho ele cá na loja daqui a dois dias à hora do almoço. A não ser que queirais jantar mesmo assim. Hui ela responde logo noutro tom, nada disso só jantamos e dormimos com assinaturas em cima da mesa. Tudo bem (fiquei contente) até porque assim teria tempo para ficar outra vez com os tomates bem cheios, para encher aquela buda toda. As punhetas que ela “me obrigou a fazer” fiquei com a saca praticamente vazia. Ficou tudo agendado para 2 dias após este contacto. Bom chegando ao dia liguei para o celular dela “então amor jantar a que horas? “Carla Paula tinha marcado para as 20:00 h voltei a relembrar Carla não te esqueças das 3 condições, e ela responde muito pausadamente, já sei meu querido as calças, e sem preservativo. E eu faço lhe recordar e quero sexo oral. Carla só me respondeu-me vais ter uma noite de sonho, serei todinha tua…..podes gozar na minha buda como quiseres e as vezes que quiseres. Hui já estava com uma tusa brutal, mas aguentei-me ainda era cerca das 15:00 h da tarde. Cheguei ao hotel, sala de jantar pelas 19:40 h fiquei na mesa já reservada por ela e não consegui aguentar-me mais e dou-lhe um toque, ela responde-me estou no quarto a arranjar-me, então digo-lhe OK meu amor já estou na sala de jantar, aguardo o tempo que precisares, ela beijinho até já, e digo-lhe coloca as calças querida…..ela sim já tenho elas vestidas, estou a acabar de esticar o cabelo. Porra pelas 20:15 h vejo a desfilar pela sala aquela BOAZONA sonhada e comida por mim dezenas de vezes à punheta, a dar aquele cú para um lado, ora para outro e toda a gente na sala a colocar os olhos nela…. que CUZÃO, fogo que exibição… que Carla Paula estava a provocar, homens mulheres até o Porteiro do hotel veio para o hall de entrada da sala de jantar para ver o espetáculo de Carla Paula proporcionava também ela colocou uns botins de tacão alto mas fino que fazia um som tentador e majestoso. Levantei-me demos um beijo na boca, parecei um casal de namorados a comorar o dia de namoro. Ajudei ela a sentar ajustando a cadeira e elogiado muito toda a produção dela, Carla usava um perfume espetacular super tentador. Carla começou logo analisar a pasta da documentação dos contratos, e disse-lhe podes assinar, ela olha nos olhos e diz-me vais conseguir o que tanto querias, né seu tonto e tarado. E digo-lhe acabas de fazer um negócio da tua vida, ela responde-me “ que vai custar-me o cuzinho “ E pergunto Carla ainda és virgem no cuzinho? E Carla diz-me o meu ex bem tentou mas nunca conseguimos, eu só lhe disse OK relaxa Carla vamos aproveitar este momento, fica tranquila tenho a certeza que vais te sentir bem e gozar. Ela respondeu-me sei que tens experiência no assunto. Sorrimos e já bebendo um vinho de eleição. Bom já tinha passado cerca de 2 horas e já num drink no bar decidimos subir para o quarto, bolas como Carla Paula desfilava todo o seu corpo, particularmente o cuzão. No elevador demos uns verdadeiros amassos , disse -lhe mesmo que adorava vê-la de calças de cabedal, me deixava louco de tusa, e ela respondia eu sei sou tonto, foi por isso que foi ter contigo assim, eu sabias que não ias resistir. No quarto iniciamos uma marmelada divinal apalpei todinha, dando-lhe palmadinhas no cuzão por cima das calças, sentei-lhe na beira da cama e pedi-lhe tira-me a roupa lentamente, tirei-lhe a blusa ficando ela de soutien, baixei os boxers a claro ela tinha a minha piça na frente dos olhos…..ela olha-me nos olhos e diz-me que queres meu “taradinho”……eu digo molha bem este pau e quero depois todo na boca até a garganta sua boazona. Carla revela-me que estava sem sexo à cerca de 6 meses, por isso estava muito nervosa mas ao mesmo tempo muito ansiosa. Então Carla inicia uma mamada deliciosa, lambuzado bem a m minha rola, olhando de vez em quando nos olhos, e eu pedia-lhe passa no rosto e ela correspondia-me totalmente. Faço lhe levantar e trocamos de posições, deu-lhe uns verdadeiros apalpões na buda para de seguida pedir-lhe” tira as calças bem levinho sua BOZONA” Ficando Carla só de calçinha e soutien, Carla tem um busto médio mas notava-se as tetas bem espetadas, tirei-lhe as 2 peças coloquei e quatro na cama, abri-lhe as pernas fiz-lhe um linguado bem gostoso na buceta, passando a minha língua no seu rego, cuspindo a máximo de saliva no olho do cuzinho. Relaxei bastane ela dando-lhe beijos no pescoço e nas orelhas, notava-se ele bem nervosa e expectante…. Até que lhe digo-lhe 1º amorzinho vou penetrar a buceta OK. Ela com voz rouca e alguma dificuldade, responde querido estou nas tuas mãos faz o que quiseres sua toda tua…Após 2/3 estocadas na cona que estava bem encharcada, volto labuzar o rego do cuzinho com a minha língua, faço entrar o dedo indicador depois coloco 2 dedos, e aqui inicio um vaivém frenético com os dedos cuspido bem sobre eles, lubrificando ao máximo o esfíncter de Carla Paula. Até que surgiu o momento mais esperado e louco para mim, coloco a minha piçarrona sobre as nádegas dela, dando-lhe pinceladas naquele rabo sonhado e desejado, coloco a ponta do cabeçal peço-lhe Carla abre bem estas nádegas com as 2 mãos, e forço um bocadinho e entra a cabecinha ela dá um “AÍ….” Depois penetro mais um bocadinho, seguro bem o quadril dela, volto a cuspir no meu mastro, na parte que estava ainda por afundar naquele fabuloso cú, a começo a acelerar no vaivém, sem penetrar totalmente a minha rola, nota ela mais descontraída, então agarro nos cabelos com uma mão e acelero as estocadas e vou até aos tomates, rufando em voz alta palavras de putaria, mesmo dizendo sua puta boa, que cú tantas punhetas que fiz por este CUZÃO sua puta BOAZONA, e anunciei Carla vou te encher de porra, isto é um sonho…..e desfiz-me no interior dela, depois dando beijos na nunca e rosto, e perguntado sua gostosona sentes ou não o leitinho bem no teu interior? Ela responde seu cabrão tarado sim sinto e é bem quentinho, gostas ou não sexo anal? Carla não me respondeu pedi-me posso ir para o banho. Dormimos bem a noite sobre a manhã fizemos mais sexo, mas Carla pedi-me para não ser mais no cuzinho, dava-me noutra altura. Após esta situação iniciamos uma relação, durante 6 meses jantávamos juntos por 2 a 3 vezes/mês em hotel e grandes fodas mesmo loucas, voltei a comer o cuzinho mais vezes, mas nada como desta vez foi dos momentos mais vibrantes e loucos que tive em sexo anal. Depois Carla Paula afastou-se passou a não me responder ao telefone. Também foi melhor assim, pois as fodas com Carla Paula, foi um bom investimento, mas bem volumoso, ela nunca quis ir para o meu apartamento, que tenho só para quecas, sempre exigia jantar e hotel e dos mais caros. Foi muito bom enchi aquela buda de leite por várias vezes, e também na cona, sendo que das últimas vezes ela já queria de preservativo, pois sempre perguntava-me se eu andava a comer mais alguém.

Contatar Rui Jorge Santos

Comentários 0

Nenhum comentário foi adicionado ainda