Mesmo com covid , rolou sexo na praça

Rio de Janeiro, BR

O anunciante não colocou nenhuma foto
147 hits ID #1734

Descrição

ola galera andei sumida , mas devido a covid a vida ficou rotineira e meio monotana e tbm quem ler meus contos sabe q so relato de vdd e hj aconteceu de vdd entao vamos iniciar , espero q gostem!

bom hj ja sou casada com q foi meu namorado na epoca q relatei contoa anteriores....

sempre que podemos saimos pra curtir a vida , passear , zuar.. mas devido covid demos tempo pois mts coisas fechadas , mas com relaxamente abriu barzimhos e algumas lanchonetes , hj saimos fomoa barzimho ficamos ate cair da noite bebemos vinho ouvimos boas musicas, demos risadas e ja na volta pra casa ele me diz minha linda vamos aprontar? eu disse q seria? ele vamos fazer amor aqui nessa praça deserta? eu disse ta doido q ir parar xvideos? ele bom q ficamos famosos rsrs... ele ah vamos amor nao fizemos mas loucuras só essa vai , olha como ja estou com tesão em saber q podemos aprontar rsrs.. eu aceitei saimos do carro sentamos no banco da praça logo cai de boca mamando ele, pois ja estava meio exitado pela circustancias rsrs ele tbm bjava me chupou entao se sentou no banco da praça eu comecei kikar gostoso com mistura de medo e tesão nossa isso me exitou mas ainda, entao gozamos eu disse gostoso amor agora vamos ele riu sinicamente e disse ainda nao! me pegou em seus braços ate carro me pois toda aberta no capo do carro levantou minha saia novamente e caiu boca na minha bct ,nossa nao tinha como resistir , eu peguei e chupei ele tbm logico, ele me abriu as pernas pincelou o pau por fora isso me exitoh mt eu ja nem tinha mas medo qria mesmo curti , ele metemdo gostoso eu td aberta pra ele sentindo ele fundo em mim nossa sensação maravilhosa! entao gozamos de novo eu disse agora serio vamos! baixei saia ele pois pau dentro e subiu ziper fomos pra casa e no caminho eu ainda mamei ele e bebi leitinho!!!!

desculpa pelo tamanho , mas relatos sao verdadeiros! bjs galera

Comentários 0

Nenhum comentário foi adicionado ainda